Dia Mundial da Árvore: três passos para proteger a floresta

Este dia celebra-se à escala global e tem como objetivo relembrar-nos a importância da natureza e o nosso papel na sua preservação. Conheça aqui as nossas dicas e faça a sua parte por um mundo mais verde.

O Dia Mundial da Árvore ou da Floresta comemora-se anualmente a 21 de março, e remonta ao ano de 1872. A ideia de criar este marco foi do jornalista e político norte-americano Julius Sterling Morton, que criou o “Arbor Day” (Dia da Arborização, traduzido à letra) no Nebraska, para incentivar à plantação ordenada de árvores.

147 anos depois, a iniciativa mantém-se e reinventa-se, uma vez que nunca foi tão urgente promover a proteção das árvores e das florestas no mundo: estão em causa tanto o equilíbrio ambiental e ecológico quanto a qualidade de vida de toda a população mundial.

Sabia que…

1. Ao longo da sua vida, uma única árvore retira da atmosfera em média uma tonelada de dióxido de carbono;

2. Quando estão próximas, as árvores estão ligadas entre si através das suas raízes: trocam nutrientes e ajudam-se mutuamente. Numa floresta, é comum haver árvores antigas que assumem o papel de matriarca, coordenando a partilha de nutrientes. Estas árvores são tão importantes na floresta que, quando cortadas, diminuem a expectativa de vida das que as rodeiam;

3. As árvores vivem do ar: absorvem 90% dos nutrientes que precisam da atmosfera e apenas 10% do solo;

4. O tronco de árvore mais largo do mundo é o de um castanheiro no Monte Etna (Itália), já com 4.000 anos de idade, com um perímetro de 58 metros;

5. A árvore mais velha do mundo está na Noruega e é um abeto com 9.950 anos e quatro metros de altura;

6. As próprias árvores podem amputar os seus galhos. Quando um ramo está demasiado danificado para ser recuperado ou quando a sua recuperação poria em risco outras áreas, a árvore pode bloquear a circulação de seiva para aquela zona;

7. O sofrimento de uma árvore tem um som próprio. Quando está desidratada, a árvore não dá uso à pressão produzida e necessária para transportar a água absorvida pela raiz para toda a extensão da árvore. Assim se dá a cavitação, que resulta num borbulhar muito suave, captado apenas por aparelhos próprios para o efeito.

O Dia Mundial da Árvore ou da Floresta é uma oportunidade para celebrar a importância e a beleza da Natureza, bem como refletir sobre o nosso papel enquanto cidadãos na preservação e no respeito pelo meio ambiente. Mas afinal o que podemos fazer já hoje?

– Reduzir, reutilizar e reciclar

Sempre que possível, tentemos reduzir a utilização de papel e optar por usar artigos reciclados. Os pequenos gestos também têm impacto.

– Lixo é luxo

Cuidemos dos espaços verdes (e de todos) como se de nossa casa se tratasse – porque a verdade é que o planeta Terra é a nossa primeira e principal casa. Não deixe lixo para trás, não permita que o façam à sua volta e aproveite sempre que possa para alertar as gerações mais novas para a importância da cidadania para a sustentabilidade.

– Regras a cumprir

Depois dos incêndios particularmente devastadores dos últimos anos, o Governo criou uma série de normas para regular as propriedades privadas no sentido de evitar catástrofes como as que têm acontecido. É tão importante cumprir as regras como garantir que aqueles de quem gostamos as cumprem.

O primeiro passo está na consciencialização de todos e cada um de nós para que possamos ser cidadãos ativos que respeitam e exigem respeito pelas árvores e florestas, já que estas nos pertencem a todos – e a nenhum. Faça a sua parte e lute por um planeta mais verde e mais equilibrado.

Feliz Dia Mundial da Árvore ou da Floresta!

Categorias
Vida Saudável
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço